Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Oh captain! My captain!

" But only in their dreams can men be truly free. 'Twas always thus, and always thus will be."

Oh captain! My captain!

" But only in their dreams can men be truly free. 'Twas always thus, and always thus will be."

Qua | 23.03.16

"Man still bears in his bodily frame the indelible stamp of his lowly origin."

A ideologia levada ao extremo é sempre o ingrediente perfeito para cometer atrocidades. A história é uma prova muito clara disso. E o dia de ontem, pelos motivos tristes que todos conhecemos, entra para o álbum dos horrores que ilustra o nosso passado e, infelizmente, o nosso presente, enquanto espécie humana, neste planeta.

O terrorismo aterroriza-me, cria em mim uma enorme descrença face ao que é isto, afinal, de ser humano. Ter uma mente pensante, uma consciência, a capacidade de comunicar usando a linguagem verbal deveriam ser as ferramentas que nos dariam vantagem neste mundo e permitiram a nossa sobrevivência. Mas fazemos o oposto. Descomunicamos, não conseguimos interpretar a mesma informação ou, pelo menos, tolerar as diferenças de compreensão. Somos movidos por emoções, que nos auxiliam a pensar e a arrumar memórias ternurentas que definem quem somos. Mas são também essas emoções desmesuradas, cheias de fanatismo que accionam o motor da malvadez.

Sempre que a violência e a morte são a resposta, sinto que estamos a regredir. Ontem a Europa voltou a ser palco de um espectáculo dramático, sangrento e decepcionante. Pessoas inocentes a quem lhe foi retirado o direito à vida, outras tantas que se viram perder familiares, amigos. E ainda todas aquelas que viveram o pânico, o desespero e o medo na pele. E todos nós que, ainda que à distância, também nos deixamos levar pela corrente de sentimentos, partilhamos medos e ansiedades, sofremos com os que perderam a vida e estão a lutar por ela, sentimos a impotência e a frustração de não termos conseguido fazer nada para evitar esta situação.

Ainda me custa acreditar que este cenário se voltou a repetir. E custa ainda mais saber que está longe de findar.